Uma meditação dos Mistérios Luminosos - Janeiro-Fevereiro de 2015

Jesus recebe o baptismo

«Uma vez baptizado, Jesus saiu da água e eis que os Céus se Lhe abriram e viu o Espírito de Deus descer como uma pomba e vir sobre Ele». (Mt 3,16).

Intenção: Para que os baptizados se deixem iluminar pela graça do Espírito Santo e, à semelhança de Maria, sejam diligentes e fervorosos, no serviço à Igreja e ao próximo.


Jesus revela-se nas bodas de Caná

«A Mãe de Jesus disse-Lhe: «Não têm vinho». Jesus retorquiu: «A minha hora ainda não chegou». Sua Mãe disse aos servidores: «Fazei o que Ele vos disser» (Jo 2,3-5)

Intenção: Pelos jovens chamados pela graça divina à vocação ao matrimónio, para que, sob o amparo de Maria, acolham e correspondam fielmente ao dom recebido no Sacramento.


Jesus anuncia o Reino de Deus

«Disse Jesus: Completou-se o tempo e o Reino de Deus está próximo: Arrependei-vos e acreditai na Boa-Nova». (Mc 1,15).

Intenção: Por todos os escolhidos para o anúncio do Reino de Deus entre os homens, para que, à semelhança de Maria, sejam arautos de fé, esperança e amor para as novas gerações.


Jesus manifesta-se na beleza da transfiguração

«Uma voz dizia: Este é o Meu Filho muito amado, no Qual pus todo o Meu enlevo; escutai-O». (Mt 17,5).

Intenção: Pelas crianças e jovens desejosos de conhecer Jesus, para que O encontrem pela escuta do Evangelho na catequese, na liturgia, na oração pessoal e noutros momentos da sua vida.


Jesus faz-se dom permanente na Eucaristia

«Disse Jesus: Isto é o Meu Corpo, que é dado por vós. Fazei isto em memória de Mim». (Lc 22,19).

Intenção: Por todos os sacerdotes, para que à semelhança do seu Mestre e de Maria sejam persistentes e fiéis na sua doação a Deus e aos irmãos.


No mesmo espírito: Mistérios Gozosos, Mistérios Dolorosos e Mistérios Gloriosos

Category:
Portuguese