Os Mistérios Dolorosos - Maio de 2008

1. A Agonia de Jesus no Horto das Oliveiras

«Então, vindo do Céu, apareceu-lhe um anjo que o confortava. Cheio de angústia, pôs-se a rezar com mais insistência, e o suor tornou-se como grossas gotas de sangue, que caiam por terra» (Lc 22, 43-44).

Jesus rezava com insistência, no meio da maior angústia. Na intimidade com Deus encontraremos uma grande fortaleza.

 

2. A Flagelação de Jesus

«Então Pilatos mandou levar Jesus e flagelá-lo» (Jo 19, 1).

A flagelação era uma das penas mais duras. Jesus sofre hoje em todos os que são vítimas de torturas por causa da sua fé.

 

3. A Coroação de espinhos de Jesus

«Então Jesus saiu com a coroa de espinhos e o manto de púrpura. Disse-lhes Pilatos: “Eis o Homem!” Assim que viram Jesus, gritaram: “Crucifica-o, crucifica-o!”» (Jo 19, 5-6).

Jesus é realmente o Homem. Ele é o rosto humano de Deus. Ele é o rosto divino do homem. Ele é Deus e Homem.

 

4. Jesus a caminho do Calvário

«Ele tomou sobre si os nossos sofrimentos, carregou as nossas dores» (Is 53, 4).

Jesus é o misterioso Servo de Javé anunciado pelo profeta Isaías. Era preciso sofrer para entrar na glória.

 

5. A Crucificação e a Morte de Jesus

«Jesus dizia: “Pai, perdoai-lhes porque não sabem o que fazem”» (Lc 23. 34).

Jesus tinha ensinado o amor aos inimigos. Agora mais uma vez prega com o exemplo, perdoando aos seus algozes.

 

No mesmo espírito: Mistérios Gozosos, Mistérios Luminosos e Mistérios Gloriosos

Category:
Portuguese