Vem, Espírito de Santidade!

Editorial - Junho 2017 - Nº 421


Tema do ano 2016-2017:
"Felizes os misericordiosos!"


Uma vez mais, a festa de Pentecostes vem concluir o nosso tempo pascal. Os discípulos recebem o Espírito Santo e saem do Cenáculo. Eles passam dum estado passivo a um estado ativo. Eles que, receosos, se escondiam em seu quarto alto bem fechado, vão abrir as portas e ir ter com os outros que, de repente, compreendem o anúncio que lhes é transmitido, para além da barreira das línguas.

Os discípulos não foram somente surpreendidos. Eles deixaram-se apoderar. Para que o Espírito faça a sua obra neles, foi necessário que eles o deixassem entrar nos seus corações. Nesse momento, as suas bocas e as suas portas podem abrir-se. Eles não podem fazer outra coisa senão proclamar as maravilhas de Deus: O dom da vida de Cristo para a salvação de cada um e a abertura a todos dum caminho de reconciliação.

As nossas Equipas do Rosário não se parecem por vezes como o Cenáculo? Com o Cenáculo, decerto, mas antes da chegada do Espírito! Estamos entre nós, em nossas casas, sempre com os mesmos membros que têm a felicidade de se reencontrar. Nem se faz questão de abertura: Estamos assim tão bem! Mas então que é que fazemos do nosso espírito missionário?


É o Pentecostes! Abramos de par em par as portas do nosso coração para que o Espírito Santo tome nele todo o seu lugar. Se ele aí encontrar Maria, pois ele aí se engolfará! Deixemos o Espírito Santo nos inebriar do amor a Cristo. Esse amor, não podemos guardá-lo para nós: Devemos transmiti-lo aos outros.

É o Pentecostes! Abramos de par em par as portas da nossa casa para nela acolher o próximo que o Senhor chama. Que o Espírito dissipe os nossos receios e as nossas apreensões e, nesse caso, ser-nos-á necessário prever mais cadeiras do próximo! Por bondade não apaguemos o fogo do Espírito!

É o Pentecostes! Abramos de par em par as portas dos nossos olhos para aprender a ver as maravilhas do Senhor e a dar-lhe graças em nossa vez. Jesus ensina-nos a olhar com amor aqueles que o rodeiam. E se fizéssemos o mesmo… Então o nosso mundo seria sem dúvida alguma transformado.


Que a nossa vida se torne num Pentecostes quotidiano!
Vem Espírito de Santidade!
Transfigura as nossas vidas!


Irmão Louis-Marie Ariño-Durand, o.p.
Assistente internacional


Editorial - Julho-Agosto 2017 - Nº 422


Équipes du Rosaire International
1, Impasse Lacordaire
F-31078 TOULOUSE
FRANÇA
Équipes International

Category:
Portuguese